Perguntas frequentes

Nesta secção encontrará as respostas às perguntas mais frequentes. Se tem alguma outra dúvida consulte-nos através da secção de contacto.
A participação no projeto está aberta à comunidade de empresas Pmes localizadas na Galiza e no norte de Portugal (Minho Lima, Cávado, Alto Trás montes-vos, Grande Porto, Ave e Tâmega).

Pretendemos trabalhar com os utentes finais da indústria em diferentes setores, que se dediquem à manufactura, o renderizado, a análise financeira, ou qualquer outro tipo de atividade que possa beneficiar da computação de altas prestações (HPC).

Faz favor, complete o formulário de pedido para participar.

Perguntas frequentes sobre HPC
O interesse suscitado pela tecnologia cloud nos últimos anos e a sua constante evolução não permite dar uma descrição única e singela da mesma, conceito conhecido também por serviços na nuvem, informática na nuvem, nuvem de dados ou nuvem de conceitos, é um paradigma que permite oferecer serviços de computação através de Internet.
A computação de altas prestações (HPC) é o uso de servidores, clústeres e supercomputadores ? mais o software, ferramentas, componentes, armazenamento e serviços ? para tarefas científicas, de engenharia ou analíticas que são particularmente intensivas em computação, uso de cor ou manipulação de dados.
- Modelaçao e simulação avançados, eliminando a necessidade de criar modelos físicos.
- Realização de cálculos complexos.
- Renderizado em alta definição de gráficos em 3D.
- A fase do desenho de produtos é mais eficiente.
- Aumenta-se a capacidade de análise de dados da empresa.
- Melhoram-se as capacidades da empresa em I+D+i.
-Reduzem-se o tempo, o esforço e os custos necessários para lançar os produtos ao mercado.
- Suprime-se a necessidade de criar modelos físicos dos desenhos na fase de teste e aperfeiçoamento.
- Aumenta-se a flexibilidade, ao poder repetir as provas de desenho com diferentes parâmetros.
Uma vez que recebamos o formulário com o seu pedido para provar a demo CloudPYME, fá-lhe-emos chegar as instruções e dados para aceder à plataforma via site.
Pode utilizá-la gratuitamente com um limite de 100 horas de cálculo.
A infraestrutura tecnológica instalada no CESGA, põe ao seu dispor as medidas razoáveis para garantir a segurança e confidencialidade das comunicações e transações de dados que tenham local entre a sua empresa e a plataforma de CloudPYME.
Quanto à privacidade dos seus dados, o CESGA, cumpre com a lei de proteção de dados, assegurando-lhe que os seus dados pessoais serão tratados exclusivamente para a manutenção de relações profissionais e/ou comerciais de interesse comum.
Perguntas frequentes sobre OI
De uma forma sucinta, consiste nas empresas aproveitarem não só os recursos internos para a pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias/negócios, mas também colaborar com entidades externas em ambos os sentidos, ou seja, buscando soluções para os seus problemas, mas também contribuindo para terceiros, cedendo por exemplo soluções internas que não estejam a ser devidamente rentabilizadas.
O projecto pretende integrar PME’s localizadas no Norte de Portugal e Galiza. Para participar bastar contactar-nos via formulário.
Além dos benefícios de integrar uma rede de parceiros (ver em: O que é Open Innovation?) a participação no projecto promove o maior conhecimento do conceito, bem como um contacto com projectos e técnicas de I&D. No âmbito do projecto CloudPYME, coabitam ainda outros projectos com vantagens competitivas, por exemplo a nível de HPC e Cloud Computing recorrendo a softwares opensource.
Serão as próprias empresas que decidirão quais as entidades que poderão colaborar no âmbito de um processo de inovação a decorrer no projecto.
Perguntas frequentes sobre PLM
O demostrador está aberto à comunidade de empresas PME manufatureiras. Faz favor, complete o formulário de inscrição para participar. Pretendemos trabalhar com os utentes finais da indústria.
O PLM é uma série de capacidades que permitem a uma empresa administrar e inovar efetivamente os seus produtos e os serviços relacionados com eles, ao longo do seu ciclo de vida. A solução não é única e inequívoca se não que deve adaptar às necessidades concretas da cada instituição, mas deve envolver e administrar a todos os atores principais do processo, com um nível de segurança crítico e com funcionalidades adaptadas para assegurar a diminuição do tempo de lançamento de novos produtos e diminuição do custo associado à reutilização de dados e conhecimento adquirido.